Seleção Dionísio | Janeiro 2020

Seleção Dionísio | Janeiro 2020

Algairen 2 Punto 1  | 2018

Mais informações

 

A origem da bodega remonta o século 18 e, desde então, o cultivo biodinâmico é empregado para a criação de vinhos sinceros e de caráter, reflexos de um terroir singular. No vinhedo, apenas práticas ancestrais são adotadas, nenhum tipo de química é utilizado no trato da planta. Dessa maneira, cultivam videiras centenárias, responsáveis por vinhos bem concentrados e sedutores, além de videiras com idade média de 30 anos, destinadas aos vinhos de estilo mais moderno.

 

Bodegas Pablo

 


 

Reine Pédauque | 2013

Mais informações

 

Produzidos desde 1930 na lendária região da Borgonha, seus vinhos são considerados um dos mais prestigiados da França. Atualmente, a vinícola Reine Pédauque produz 600 mil garrafas de vinho por ano e está presente no mercado francês, russo, japonês e norueguês, entre outros.Além do ótimo custo benefício em se tratando de vinhos da região da Borgonha, a linha Reine Pédauque apresenta um rótulo sofisticado com logomarca diferenciada, inspirada na rainha Bertha da Borgonha, que segundo a lenda: ensinou aos homens os segredos da videira. São cinco vinhos oriundos das regiões de Chablis, Côte d’Or e Beaujolais, produzidos com as castas ícones da Borgonha: Pinot Noir, Chardonnay e Gammay.

 

  • Date Janeiro 7, 2020
  • Tags 2013, 2018, França, Pinot Noir, Tempranillo